[Fútil não é inútil] Outono 2019

Tenho dado por mim menos entusiasta com as estratégias de aplicação de produtos e mais focada com as estratégias nutricionais para ter boa pele, numa abordagem progressivamente mais “de dentro para fora”, mas ainda assim acabei por experimentar um par de produtos novos nesta estação.

Com o passar do tempo tenho dado por mim a consumir muito menos deste tipo de produtos do que no passado. Pode dar-se o caso de que tenho menos tempo para mim e por isso menos interesse neste tipo de coisas, e pode dar-seo caso de que tendo refletido sistematicamente acerca destas questões durante cerca de dois anos agora tenha estabelecido já a minha rotina “ideal” ou pelo menos a base de produtos de que gosto e com os quais me dou bem, pelo que não vejo grandes vantagens em mudar muito as coisas.

Tenho-me sentido muito interessada em coisas simples com manutenção mínima e efeitos duradouros e voltei a ler o livro “Absolute Beauty” da Pratima Raichur, o que me deixa sempre entusiasmada para fazer os meus próprios produtos. Talvez para o ano esta rubrica tenha uma “cara nova”.

Escala de segurança do site EWG’s skin deep:

Screen Shot 2018-04-25 at 08.53.04.png

Verniz Zoya na cor Courtney

Andava há que tempos a namorar o verniz Rouge Noir da Chanel, mas se há alguma coisa que tenho aprendido acerca de vernizes nos últimos anos é que os vernizes da Chanel embora tenham cores fantásticas e sofisticadas não são lá muito bons, i.e. não valem nem de longe nem de perto os cerca de 20€ que custam, sobretudo quando há marcas que são especialistas em vernizes e que custam muito menos.

Escolhi uma cor parecida com o rouge noir da marca Zoya por ser uma das marcas que anuncia ser “5 free” e fazer menos mal quer à pele, quer ao meu pequeno se entrar em contacto com ele. Comprei na Organii.

No site EWG’s skin deep  não aparece qualquer referência a este produto.

Caudalie Máscara Detox Instantâneo

Numa altura em que anda tudo louco com as “sheet masks” que são de papel e tecido e normalmente envoltas num papel plastificado, representando um desperdício por serem de utilização única, dou por mim a voltar a fazer máscaras ao fim de semana enquanto organizo as coisas para a semana que se aproxima.

Esta máscara é detox, mas é suave qb, não deixando a pele seca, embora fique com menos impurezas. Cheira bem e é agradável de aplicar. Estou a gostar bastante!

No site EWG’s skin deep  não aparece qualquer referência a este produto.

Ere Perez Lip Tint

É orgânica, à base de beterraba. Mancha os lábios e não sai! Como não tenho andado numa de pintar os lábios de um vermelho intenso, uso pouco e espalho com o dedo para dar uma cor matizada, como se tivesse acabado de comer um calipo – o lado menos bom é que fico com o dedo também manchado imenso tempo.

Já comprei este produto no ano passado, mas não lhe tinha dado uso (vamos ao eye roll coletivo pelo consumismo palerma?). Este ano o aplicador é diferente e acredito que com este sistema (ver imagem infra) possa valer as 5 estrelas, por permitir uma aplicação mais fácil e eficaz 🙂

No site EWG’s skin deep  não aparece qualquer referência a este produto.

Bourjois Liner Feutre

Fui ao baú buscar um liner de ponta de feltro porque é limpinho e faz um cat eye fácil e bonito e não me tem apetecido usar rímel. Esta cor é ótima com olhos verdes, porque cria um contraste. Não fica muito tempo e não é muito intenso, de resto, recomendo.

No site EWG’s skin deep  não aparece qualquer referência a este produto.

RMS Lip to Cheek na cor Spell

Sempre que via fotos deste produto online ficava com a ideia que seria muito castanho e por isso não seria especialmente apropriado para uma cor mais “natural” na minha pele. Felizmente faz parte da palete mod da RMS, o que me permitiu experimentar e tem surpreendentemente sido um elemento que aprecio muito: a cor do blush fica super natural e é muito fácil de aplicar de forma flatering.

 

No site EWG’s skin deep o produto obteve uma classificação de 1 numa escala de menos perigoso (1) a mais perigoso (10).

Oral B – escova elétrica

Eu achava que usava os tais 2 minutos em cada lavagem de dentes, mas descobri que não! esta escova disciplina-me nesse sentido, além de supostamente ser mais eficaz na remoção de placa bacteriana. O que menos gosto na escolha de uma escova elétrica é que faz barulho, o que às vezes é um problema quando o miúdo está a dormir um sono leve (nessas ocasiões uso uma escova manual).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s